Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Documentos audiovisuais estão disponíveis para consulta no SIAN
Início do conteúdo da página

Documentos audiovisuais estão disponíveis para consulta no SIAN

Escrito por Tassia Verissimo | Publicado: Quinta, 21 de Fevereiro de 2019, 14h53 | Última atualização em Quinta, 21 de Fevereiro de 2019, 14h53

A pesquisa digital no Sistema de Informações do Arquivo Nacional (SIAN) é uma importante ferramenta de busca, que possibilita o acesso remoto a representantes digitais do acervo custodiado pela Instituição. A disponibilização de cópias digitais por meio do SIAN facilita a vida dos usuários, que podem consultar o documento de casa, evita o manuseio de originais e diminui a demanda ao atendimento presencial.

Diante do expressivo volume de documentos que integram o acervo, foi preciso muita dedicação dos técnicos de diversas equipes para que a pesquisa digital se tornasse uma realidade. Atualmente, quando o representante digital se encontra corretamente alocado e nomeado no repositório, o SIAN já é capaz de fazer a associação automática com a descrição do documento, poupando os técnicos do trabalho de associação manual, item a item, como acontecia no início do processo.

A boa notícia, nesse campo, se refere aos documentos audiovisuais. Com arquivos mais "pesados" que os demais gêneros documentais, mesmo quando comprimidos em versões para difusão, os documentos ou representantes audiovisuais digitais eram de difícil associação às suas respectivas descrições no SIAN. Ou, ainda que fossem associados, levavam muito tempo para que fossem carregados e abertos, inviabilizando a consulta remota.

Recentemente, a consulta a representantes digitais da documentação audiovisual custodiada pelo Arquivo Nacional passou a funcionar de maneira mais eficiente. Já são aproximadamente 1.000 representantes digitais disponíveis para consulta pelo SIAN, dos fundos Agência Nacional, TV Tupi, Fundação Centro Brasileiro de TV Educativa (TVE) e César Nunes. A Equipe de Processamento Técnico de Documentos Audiovisuais, Sonoros e Musicais (CODAC), a Equipe de Edição de Vídeo (CODAC) e a Equipe de Preservação Digital (COPAC) vêm trabalhando em parceria, com o objetivo de localizar e nomear adequadamente as cópias digitais dispersas pelo repositório, bem como gerar arquivos para difusão, a partir de matrizes sem compressão.

Para 2019, está previsto o investimento de 60 mil reais na digitalização de películas do fundo TVE, o que significa a retomada da atividade de reformatação dos documentos audiovisuais como parte de uma política institucional de preservação e promoção do acesso de usuários ao acervo.

Acesse aqui o SIAN.


Todo o conteúdo deste site está publicado sob a licença Creative Commons Atribuição-Sem Derivações 3.0 Não Adaptada (CC BY-ND 3.0)

registrado em:
Fim do conteúdo da página