Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Ministro da Justiça visita o Arquivo Nacional
Início do conteúdo da página

Ministro da Justiça visita o Arquivo Nacional

Escrito por Tassia Verissimo | Publicado: Terça, 25 de Setembro de 2018, 18h46 | Última atualização em Terça, 25 de Setembro de 2018, 18h46

 O Arquivo Nacional recebeu, na manhã desta terça-feira, 25 de setembro, a visita do ministro da Justiça, Torquato Jardim, que se reuniu com a diretora-geral do Arquivo Nacional, Carolina Chaves, e com o secretário de Estado de Defesa Civil e comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar de Estado do Rio de Janeiro, coronel Roberto Robadey Costa Junior, para conversar sobre as medidas anti-incêndio do órgão.

Durante a visita, foi realizada apresentação comparativa da situação do Arquivo Nacional nos anos de 2017 e 2018, mostrando a evolução do trabalho nesse período e apresentando propostas de continuidade das ações. Entre os projetos expostos ao ministro está a implantação de Salas Seguras – ambientes projetados com características específicas para garantir a proteção do patrimônio documental símbolo do Brasil.

A partir dos dados obtidos em relatório de segurança elaborado por consultoria externa, o Arquivo Nacional, com total apoio do Ministério da Justiça, que disponibilizou os recursos necessários, tem adotado medidas de segurança em busca de minimizar os riscos ao patrimônio da instituição e aos funcionários e visitantes, como a reativação dos contratos de manutenção predial, brigada de incêndio e vigilância, além da aquisição de extintores e mangueiras anti-incêndio.

Após a apresentação, o ministro da Justiça, o Comandante-Geral do CBMERJ e suas comitivas conheceram a Sala Cofre do Arquivo Nacional, onde está protegida a documentação digital do órgão, bem como depósitos de documentação física.

A imprensa foi recebida pelo ministro da Justiça, pela diretora-geral do Arquivo Nacional e pelo comandante-geral do CBMERJ no Salão Nobre da instituição. O Coronel Robadey parabenizou o Arquivo Nacional por buscar o cumprimento de sua missão institucional com segurança, dando cumprimento a laudo técnico que tem prazo de execução até março de 2019. O coronel declarou, ainda, que o Arquivo Nacional funciona em segurança e que o Corpo de Bombeiros está à disposição para contribuir com o aperfeiçoamento das medidas anti-incêndio da instituição.

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página