Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Nova versão do Banco de Dados Memórias Reveladas
Início do conteúdo da página

Nova versão do Banco de Dados Memórias Reveladas

Escrito por Bruna Barcelos | Publicado: Terça, 21 de Agosto de 2018, 09h00 | Última atualização em Quarta, 22 de Agosto de 2018, 14h58

Está disponível no endereço www.memoriasreveladas.gov.br, seção “Banco de Dados”, ou diretamente no link http://pesquisa.memoriasreveladas.gov.br, a nova versão do Banco de Dados Memórias Reveladas, criado em 2009 como ferramenta de integração e difusão de acervos do período do regime civil-militar brasileiro (1964-1985).

A novidade dessa nova versão é implementação de nova ferramenta de busca digital que permite a pesquisa por dentro dos textos de documentos digitais com reconhecimento óptico de caracteres (Optical Character Recognition – OCR), disponibilizando aos usuários mais de 12 milhões de páginas de documentos textuais pesquisáveis por nomes e expressões, além de documentos audiovisuais e iconográficos, referentes às lutas políticas no período de 1964-1985, cujos originais se encontram sob a guarda do Arquivo Nacional e de outros parceiros da Rede Memórias Reveladas, como arquivos públicos estaduais e centros de documentação.

Além disso, a partir de relatos de experiências dos usuários, foi feita uma remodelagem do layout do banco, buscando tornar sua utilização mais simples e intuitiva, ao mesmo tempo em que se manteve a possibilidade de pesquisas avançadas.

O banco de dados Memórias Reveladas reúne, de forma cooperativa, informações sobre o acervo arquivístico relativo à repressão política no período 1964-1985 custodiado por diferentes entidades brasileiras, públicas e privadas. As informações sobre esses fundos e coleções organizados pelas entidades participantes são exibidas em planilhas descritivas que obedecem à norma brasileira de descrição arquivística.

A alimentação do banco é realizada progressivamente, mas já se trata da mais completa fonte on-line sobre a repressão política no Brasil no período de 1964-1985. Para acessar o banco de dados, o usuário deve realizar um breve cadastro pela própria Internet, sem necessidade de apresentação de documentos pessoais, ou utilizar, se possuir, o nome de usuário e a senha do Sistema de Informações do Arquivo Nacional (SIAN).

Fonte: Memórias Reveladas

registrado em:
Fim do conteúdo da página